Um Ano Sem Compras: 6ª semana

E a semana mais quente do ano – e sem compras – finalmente chegou ao fim. Essa semana foi relativamente tranquila, com bastante trabalho e bastante calor.

O dia mais difícil até agora foi no domingo quando fui ao shopping com 2 amigas. A idéia era almoçar, comprar um vestido de formatura pra uma delas e fim. Mas infelizmente mulherada reunida no shopping sempre acaba em passeios intermináveis e no meu caso, tortura chinesa.

A Arezzo estava com descontos incríveis e uma infinidade de sapatos 39 que fiquei chocada. Eu nunca tinha visto tantas opções de 39 na promoção!!! E depois foi a vez da Zara com uma infinidade de vestidos XL como há tempos eu não via….por fim, tive que deixar azamiga na loja e ir dar um rolê sozinha para não comprar. Sabe aquele mantra “respira, suspira, não pira”? Fiquei repetindo pra mim mesma até me convencer….rs Mas a tortura acabou e voltei pra casa sem nenhuma sacolinha e com a consciência tranquila.

Outro ponto alto da semana, foi meu look de segunda-feira com o vestidinho branco que estava guardado no armário ainda com etiqueta. Como inicialmente eu não queria casar de noiva, comprei esse vestidinho rendado e discreto pro grande dia e ele acabou morando no armário por 09 meses. Eu achei que nunca mais iria usar com nada, até fazer uns testes com casaquinhos e descobrir que ele era muito mais versátil do que eu imaginava…adorei!

Dia 37 – Vestidinho Moda Jovem de Ribeirão Preto, casaqueto da minha avó, sapatilha Old Navy e bolsa Victor Hugo

Dia 39 – Jeans Luhfi, tênis Reebok e camiseta La Peluca No Se Plancha de uma lojinha colaborativa de Buenos Aires

Dia 40 – Camisa social Maison SPA, jeans Luhfi e mocassin Mr. Cat

Dia 42 – Vestido Milanina, bolsa de franjas Ellus e rasteirinha Shoestock

Obrigada às fofas que me mandaram e-mail e entraram no desafio junto comigo…e que venha a sétima semana ♥

Um Ano Sem Compras: 5ª semana

Já se passaram 5 semanas (35 dias!) desde que tomei uma das decisões mais ousadas da vida. E a cada dia que passa, vivencio uma situação nova e consigo enxergar coisas que realmente eu não enxergava antes.

Um dia desses entrei na livraria do aeroporto buscando o Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil. Na real eu nem precisava comprar livro nenhum, pois tenho pelo menos 4 na fila de leitura, mas me interessei tanto pelo Guia Politicamente Incorreto da História do Mundo que fiquei ansiosa para dar sequência na leitura. Fuçei a livraria inteira e nada. O vendedor veio me acompanhar e explicou que tinha acabado. Automaticamente peguei outro livro qualquer e decidi que iria comprar, pois afinal eu não poderia sair de mãos abanando e o vendedor ficar chateado por não fazer a venda. Então parei com o livro na mão e pensei: “Peraí, por que estou gastando R$60,00 para comprar um livro que não preciso? Desde quando sou obrigada a fazer uma compra só porque fiz meia dúzia de perguntas?” Deixei o livro em cima da bancada, virei as costas e saí da livraria me sentindo meio estranha…mas foi só cruzar a porta para esse sentimento passar e saborear o gostinho da vitória: eu já não compro mais desenfreadamente e sem necessidade!!!

Devido a correria que estava na Bahia, mal deu para fazer fotos…mas como passarei essa semana em SP, espero ter tempo para fuçar meu armário e encontrar opções bacanas – e fresquinhas – pra encarar os dias de escritório. Teremos algumas visitas da europa por aqui e tentarei adaptar meu jeitinho super hiper básica à ocasião…vamos ver o que rola!

Boa sexta semana pra nós ♥

Um Ano Sem Compras: 4ª semana

Parece que foi ontem, mas lá se foi a quarta semana. E confesso que estou me sentindo praticamente uma heroína depois 1 mês inteirinho sem comprar nada e sem crises com meu armário. Talvez o fato de ter passado cada semana em um lugar diferente (semana 01 em San Francisco, semana 02 em Buenos Aires, semana 03 em São Paulo e semana 04 na Bahia) tenha me ajudado a não ter tempo para pensar em nada, inclusive em comprar. Nota mental: me manter ocupada constantemente para não sentir vontade de comprar!

Como passei esta semana em nossa fábrica da Bahia, predominou o combo jeans/camiseta/botina, finalizado lindamente com meu jaleco branco. Logo, nada de glamour ou looks bacanas…só tirei foto das roupas pra lembrar como continuo usando o que tenho em casa, sem repetir as combinações e sem entrar em crise de necessidade por comprar mais.

Nesta quarta semana, já consigo ver o efeito da redução de compras na fatura do meu cartão de crédito que baixou de R$2800,00 em dezembro para míseros R$350,00 em janeiro (uma compra da Privália que fiz em dezembro e 2 presentes de aniversário que comprei para duas amigas). É libertador ver o cartão de crédito tão baixo e poder planejar o que fazer com o dinheiro pelo resto do mês. Tentarei me lembrar disso nas próximas visitas ao shopping.

Outra coisa super bacana que aconteceu essa semana e queria dividir com vocês, foi a visita que fiz a minha amiga Paula Bastos, do blog Grandes Mulheres e o bate papo bacana sobre consumismo que tivemos. Conversamos sobre contas, sobre as diversas opções que tem surgido no mundo plus size a cada dia e como isso tem impactado no nosso orçamento. Ela decidiu iniciar uma jornada de 06 meses sem compras (tem post explicando aqui!) e já que usamos exatamente o mesmo tamanho, combinamos de tentarmos fazer umas trocas de roupa, pra dar uma renovada no guarda roupa e boas risadas numa tarde entre amigas.

Resumo da ópera: voltarei da Bahia cheia de idéias e com uma calça jeans lindaaaaaaaaaaaa que ela tinha guardadinha no armário sem nunca ter usado. Presentinho super bem vindo! Assim que eu chegar em São Paulo, escolherei a peça que vai sair do armário para essa calça pode entrar. E que nesta quinta semana, o ciclo do desapego continue ♥

 

Fui Assim: Mc Dia Feliz

Desde que vi a fofíssima Ju Romano divando em dezenas de posts com bandanas coloridas, fiquei imaginando como eu ficaria de cabelo solto e bandana. Sou desajeitada nível máximo e todas as vezes que tentei amarrar lenço no cabelo não tive sucesso. Foi quase um ano para tomar coragem e comprar duas bandanas fofas (uma vermelha e outra azul) para tentar a façanha. E não é que deu certo?

Aproveitei o sábado de sol do Mc Dia Feliz, data especial que esteja aonde estiver irei comprar meu Big Mac, para estreiar minha bandana vermelha. Como já falei aqui, tive oportunidade de acompanhar a minha mãe por diversos anos no trabalho voluntário na Casa Ronald Mc Donalds do Rio de Janeiro que é um trabalho tão lindo, que todo mundo deveria ajudar ♥


Camiseta Branca – Hering (deja vu aqui!)

Jeans Vermelho – Lee (pela bagatela de U$12,00 na Ross Dress for Less)

Tênis Estrelado – Converse All Star

Acessórios – Bandana (feirinha de artesanato SBC), Óculos (Marc by Marc), Brincos e Pulseiras (feirinha Benedito Calixto).

Agora olhando as fotos que percebi: fui de vermelho e branco, as cores da caixinha de Big Mac! rs Bom, espero que tenham gostado, porque roupas confortáveis estilo jeans/camiseta/all star são de longe minhas prediletas ♥

Fui Assim: Almoçar no Shopping

Atendendo a pedidos fofos e graças a minha roomie que tá craque nas fotinhos, a foto da maxi saia com estampa de azulejo que postei no insta (me segue lá!) virou look aqui no blog. Eu tava louca para encontrar uma peça com a estampa de azulejo português (ou porcelana) pra chamar de minha, mas não encontrava nada para gordinhas…

Até que em uma Hering (!) encontrei essa saia maravilhosa, disponível até o tamanho XL (que veste até o manequim 50) e com ela pude unir todas as tendências lindas e super confortáveis do verão: maxi saia, branco, azulejo português, sapatilha, azul…estou in love ♥♥♥

Maxi-saia – Hering

Camiseta – Hering

Sapatilha – Pé de Cereja (deja vú aqui!)

Bolsa – Mr. Cat (deja vú aqui!)

Acessórios – Óculos (Marc by Marc), Colar (Carla Prado – Curitiba) e Pulseiras (Feirinha de artesanato – SBC)

Espero que tenham gostado…e quem tá amando essa estampa levanta a mão \o/

Guia de Compras Plus Size no Bom Retiro

Para quem curtiu o post com Dicas de Compras Plus Size em Paris, fiz com todo carinho um guia bem completinho das lojas Plus da região do Bom Retiro. Estive passeando por lá num sábado ensolarado com a amiga Kalli (do blog Beleza sem Tamanho) e tivemos a oportunidade de entrar em quase todas as lojas da José Paulino e região.

Vale o alerta de que ao menos 70% das lojas Plus Size do Bom Retiro vendem roupas bem no estilo “jovem senhora” (aquelas bem de vó, sabe?). Mas vale a visita porque ao menos uma calça social ou um cardigã em cores sóbrias dá pra comprar e misturar com peças mais alegres para compor looks joviais. Para facilitar a vida identificarei as lojas com roupas mais bacanas com um ♥

Como chegar?

Nunca fui e não recomendo pra quem quer fazer compras ir de carro para o centro de São Paulo, uma vez que além de trânsito caótico e estacionamentos lotados, os preços são bem salgadinhos e o estresse não compensa. Para ir no Bom Retiro, eu recomendo ir de metrô (linha azul) e descer na Estação da Luz que além de barato é super rapidinho. Saindo do metrô, a José Paulino (rua principal do Bom Retiro) já é logo a esquerda. Subindo a José Paulino você encontra as transversais Ribeiro de Lima e Silva Pinto (que tem bastantes lojas plus) e a paralela Professor Cesare Lombroso. O mapinha abaixo tem a sequência de compras que fiz…não tem erro!

Como comprar?

Praticamente todas as lojas da região do Bom Retiro só vendem no varejo aos sábados, por isso este é o melhor dia para fazer comprinhas! Algumas lojas oferecem o preço super amigo de atacado para compras no varejo, porém algumas possuem preços especiais (não tão amigos) para atacado e não adianta chorar: preço de atacado só com CNPJ e compras acima de 12 peças. Não deixe de levar dinheiro porque a maior parte das lojas só aceita pagamento à vista!

Outra dica importante é: como a maioria das lojas não possui provador (e com isso não tem como provar as roupas), vá com legging e blusinha mais justa para poder experimentar tudo por cima do meio da loja mesmo. #aloka

Lista de Lojas por Endereço (e comentários das que gostei e comprei!)

Lulu Concept (♥♥♥) – Embora a Lulu não seja uma loja plus, ela possui uma área especial com tamanhos até o 52 de marcas diversas como Criare e Rery. Já comprei algumas vezes lá e é uma das minhas lojas preferidas da região. Fica na Rua José Paulino 132 – Telefone: (11) 3337-2509

La Unna e Shine (não visitei) – Rua José Paulino, 226 – Telefone: (11) 3337-2230 e (11) 3221-3920 respectivamente

Nutrisport – A loja possui produtos mais sofisticado como calças e tailleurs de linho. Fica na Rua José Paulino, 248 – Telefone: (11) 3331-2308

Talento (♥♥♥) – Sem dúvida a maior loja plus da região e com maior variedade! Já comprei vestidos lindos e até pijamas por precinhos amigos. A que costumo comprar fica na Rua José Paulino, 592 (esquina com a Silva Pinto) e tem outra na José Paulino, 56 (esquina com a Rua Prof. Cesare Lombroso). Super recomendo!

Tulnitex (♥♥♥) – para tamanhos acima do 52, a loja fica na Rua José Paulino, 586 sala 13 (esquina com a Silva Pinto) – Telefone: (11) 3221-7853

Navidad – Rua Silva Pinto, 22 – Telefone: (11) 3224-8634

La Sido – infelizmente estava fechada quando fomos, então não sei se vale a pena…fica na Rua Silva Pinto, 116

By Christian (♥♥♥) – Sem dúvida, a mais grata surpresa do dia. Com lindas peças na coleção Primavera/Verão, excelente atendimento e uma liquidação imperdível das peças da coleção passada, comprei vestidos, casacos e blusas por precinhos muito amigos. Fica na Rua Silva Pinto, 259

Garage Modas (♥♥♥) – Outra boa surpresa, foi na Garage que deixei o maior montante do meu rico dinheirinho comprando um vestido e uma parca estampada (que já postei looks aqui e aqui) ao preço de varejo (que é ao menos 50% mais caro do que o de atacado) porque eles realmente só vendem atacado com CNPJ e blablabla…contudo as roupas são lindíssimas e achei que valeu a pena o investimento. Fica na Rua Silva Pinto, 283 – Telefone: (11) 3361-7250

Givy (♥♥♥) – Com muitas roupas estampadas e coloridas, fica na Rua Silva Pinto, 272 – Telefone: (11) 3361-8362

Lanesi (♥♥♥) – Com roupas sociais de alfaiataria, a Lanesi me lembra muito o estilo da La Mafê e ainda mais sofisticado. Aos sábados vende no varejo, contudo a compra mínima deve ser 3 peças. Acabei não comprando nada porque estava somente a passeio e os preços condizem com a qualidade da marca. Contudo vale muito a pena para quem trabalha de social. Quero voltar com mais tempo (e dinheiro). Fica na Rua Silva Pinto, 282 – Telefone: (11) 3361-3320

Program (♥♥♥) – Já bem conhecida no mundo plus, a Program tem muitas roupas coloridas e jovens. Contudo não abre aos sábados. Fica na Rua Silva Pinto, 295

Bel Rose – Rua Silva Pinto, 301

Moderna (♥♥♥) – Quando olhei a loja por fora não dei nada e quase não entrei. Que bom que acabei entrando mesmo que sem vontade: nas araras tinham blusinhas de malha e shorts de couro fake por R$10,00, blazers por R$19,90…uma loucura de barato! A loja é simplezinha, não tem site e as vendedoras não são muito simpáticas. Mas vale a economia. Fica na Rua Silva Pinto, 305

Blue Moon (pijamas e lingeries) – Rua Silva Pinto, 319

Kauê Plus Size (♥♥♥) – A loja já é conhecidíssima e queridinha no meio plus, então dispensa apresentações, mas atenção: ela não abre aos sábados. Fica na Rua Silva Pinto, 426

New York (♥♥♥) – Achei tudo muito colorido e exagerado. Mas a Kalli encontrou algumas peças bonitas e em conta como a calça montaria. Fica na Rua Ribeiro de Lima, 436

Baani Modas – roupas indianas para todos os tamanhos, fica na Rua Ribeiro de Lima, 444 (ao lado da New York)

Miglon – infelizmente estava fechada quando fomos, então não sei se vale a pena…fica na Rua Ribeiro de Lima, 446

Seta – só achei roupa de senhora, mas para quem quer presentear a mãe ou a sogra, vale a visita. Fica na Rua Ribeiro de Lima, 453

Charming – infelizmente estava fechada quando fomos, então não sei se vale a pena… fica na Rua Ribeiro de Lima, 669 – Telefone: (11) 3338-0680

Pianeta (♥♥♥) – Taí uma loja que eu estava doida pra conhecer depois do desfile lindíssimo no FWPS, mas como a loja não abre aos sábados, não foi possível. Para quem pode ir nos dias de semana, fica na Rua Professor Cesare Lombroso, 99

Eveíza (♥♥♥)– A marca dos vestidos mais lindos e preços mais salgados da web, também não abre aos sábados. Sorte de quem pode fazer o passeio durante a semana. Fica na Rua Prof. Cesare Lombroso, 161 – Telefone: (11) 3337-2455

Ufa! E foi assim que terminou nosso passeio depois de muita caminhada, entra e sai de lojas e loucurinhas de consumo. Valeu muito a pena montar esse roteiro pra evitar perda de tempo em lojas que não tem roupas do meu tamanho ou que são para gente mais velha e assim poder aproveitar o tempo garimpando as melhores ofertas!!!

Espero que ele também sirva para você…boas compras!

 

Fui Assim: Café Colonial em Curitiba

Se tem uma coisa que eu amo em Curitiba são os Cafés Coloniais e sua enorme diversidade de pãezinhos, frios e doces para alegrar as tardes cinzas na compania das amigas. O meu preferido é o Coeur Dulce, que fica na Rua Atílio Bório, 539 (esquina com a Avenida Souza Naves) e como passei este final de semana em Curitiba, aproveitei pra dar uma passadinha por lá e para reunir as amigas.

No sábado a cidade amanheceu fria (novidade!) e pude inaugurar minha parca / trench coat / casaco novo que estou in love ♥

Parca Estampada – Garage Modas (Bom Retiro)

Blusa de Malha – By Christian (Bom Retiro)

Calça Social – Rubinella

Sapatilha – Shoes 4 You

Bolsa – Mr. Cat

Relógio – Swatch

Essa parca e a blusa de malha dourada também foram dois super achadinhos da minha ida ao Bom Retiro com a Kalli do Beleza sem Tamanho. Prometo que em breve vamos postar um guia bem completinho das lojas plus mais bacanas da região pra te ajudar nas comprinhas ♥

Tendências de Verão para Gordinhas – Fashion Weekend Plus Size Verão 2014

No último final de semana aconteceu o Fashion Weekend Plus Size edição Primavera/Verão 2014 com várias marcas plus size desfilando as novidades para nós gordinhas na próxima estação. Alguns looks eram mais do mesmo, mas marcas como a Xica Vaidosa, Melinde e Marri Gattô trouxeram as tendências mais lindas – e mais difíceis de encontrar para gordinhas – como top cropped, estampas étnicas, folhas e frutas, e a mais linda de todas: estampa de azulejo português ♥♥♥ Tudo isso sem contar os looks mais básicos, porém super fofos da Lunender e as novatas (ao menos no evento) Cosma e Pianeta.

Me lembro quando vi as primeiras coleções com essa estampa na revista da Air France (2 anos atrás!) e fiquei sonhando com o dia em que essa tendência chegaria ao Brasil. Um ano depois ela chegou, mas apenas para as magrinhas. Continuei babando nos modelitos lindos pela internet (entre eles alguns que vi em diversos blogs como o Just LiaGrandes Mulheres e Maggníficas)…só que agora nossa hora chegou!!!

Mas chega de blablablá e vamos conhecer as novidades da próxima estação?

Xica Vaidosa

Me lembro quando assisti o primeiro desfile da Xica Vaidosa e me apaixonei pela harmonia das estampas. Com o passar do tempo as coleções foram evoluindo lindamente (como não amar a última, Matrioxicas?) e chegaram ao ápice nessa coleção de verão. Muito preto e branco, azulejo português e estampa de folhas ilustrando harmonicamente lindas peças com caimento perfeito para quem tem o corpo mais curvilíneo. Me lembro quando vi as coleções com estampas de folhagem da Água de Coco e de outras marcas de moda praia e imaginei que jamais ficaria bonito em alguém com o meu “round” shape. Ledo engano, ainda bem!

Marri Gattô

Gordinha pode usar cropped? Pode sim senhor! E saias pra quem tem pernas grossas? Pode também! E foi assim que a marca carioca veio cheia de cor e novidades =]

Melinde

A paulistana Melinde trouxe brilho, estampas étnicas, preto e branco…tudo o que a mulherada plus procurava e não achava pra arrasar no verão. Destaque pra esse macaquinho preto e branco divino e o vestido com estampa Missoni inspired.

Pianeta + Ênfase + Lunender + Cosma

São tantas novidades – com o corte ideal para o nosso corpo e não simplesmente maiores – que já estou com uma listinha de desejos pronta para quando estas novidades chegarem às prateleiras. Mas cuidado mulherada: moda vem e vai e a cada estação são trocentos novos lançamentos que podem levar nossa linda continha pro vermelho num piscar de olhos!

Então escolha suas novas aquisições com muito carinho, dando preferência para estampas atemporais e clássicos como o preto e branco, pra depois não ficar com a peça “encalhada”no armário, né?

E que venha a primavera/verão 2014 e boas compras!

P.S. Estes foram apenas os meus eleitos, para ver mais fotos dos desfiles clique aqui!

Novidades da Riachuelo: Linha Plus + Coleção Daslu

As amigas gordinhas que gostam de comprar roupa nas lojas de departamento agora já podem comemorar: agora é a vez da Riachuelo aumentar a sua grade até o manequim 54!

O mais bacana de tudo é que eles não criaram uma linha especial (e finita) de tamanhos maiores, eles simplesmente decidiram aumentar a grade das linhas Pool (jovem) e Anne Kanner (adulta). Isso que eu chamo da real democratização da moda: agora todos podem comprar exatamente a mesma roupa independente de manequim.

Estive na Riachuelo do shopping Vila Olímpia e tive a oportunidade de experimentar algumas roupas tanto da coleção jovem, quanto da mais formal e minha única crítica é que a quanto aos tamanhos que são totalmente desregulados com a grade normal de outras lojas de fast fashion. Praticamente 90% das minhas roupas são manequim 48 e 10% delas são manequim 46, contudo nada destes tamanhos me couberam na loja, os shorts e vestidos tamanho 50 couberam porém bem justinhos…então quando for comprar lá, sempre experimente para ter certeza de que vai ficar bom em você!

Algumas blogueiras GG receberam uma caixa super fofa da marca com algumas peças e fotografaram para conhecermos as novidades…vocês já viram?

Achei tudo super lindo e moderno para os mais diversos tipos de corpo!

E para quem veste até o tamanho 46, a loja trouxe mais uma parceria para o verão: a coleção Daslu para Riachuelo, que foi fotografada em Cartagena (alô Colômbia, tou chegando semana que vem! #adoro), vem com muitas cores, estampas e tecidos fluídos. Lançada mesma semana que tratores derrubam a fachada da antiga Daslu, agora modelos da marca podem ser adquiridos na grande varejista por preços que variam entre R$29,90 à R$249,90. Ironia do destino.

E com esse tanto de lançamento de final de ano pra quem não tinha opções no guarda-roupa para o verão 2013 ou festas de final de ano, agora já dá pra comemorar né?

Beijinhos!

Lançamento da Mixed para C&A

Na última quarta-feira à noite fui conferir de pertinho o lançamento da coleção Mixed para C&A no Shopping Iguatemi. Assim como o lançamento da coleção Santa Lolla para C&A, era um evento para imprensa e convidados terem acesso em primeira mão aos 69 modelos da coleção e qual não foi a minha surpresa ao chegar por volta das 20h20 (o evento estava agendado para 21h) e encontrar um batalhão de mulheres em volta de uma faixa de segurança esperando a abertura do evento. Até aí normal, na verdade eu achei até bacana terem segurado a abertura para o horário combinado, mas a cada minuto que passava eu percebia a mulherada aflita e se acotovelando para chegar mais perto. E foi me dando desespero.

Como normalmente as coleções especiais feitas por grandes estilistas para a C&A tem a numeração apenas até o manequim 44, eu estava sem expectativa nenhuma de encontrar algo que me coubesse, então fiquei bem tranqüila olhando os acessórios e papeando com as amigas a espera do momento de abertura. De repente fui empurrada pra frente e entre empurrões e puxões percebi que tinha sido aberta a venda. Eu nunca vi uma cena dessas nem na 25 de março: a mulherada se estapeando pra pegar o máximo de peças que podia, os namorados carregando pilhas de coisas, derrubaram um manequim, a Lola do Trendy Twins levou uma cotovelada…uma loucura!

As peças que mais gostei da coleção…algumas eu nem consegui ver pessoalmente!

O comportamento desse povo grifado com espírito barraqueiro dando bolsada com suas Hermés foi lamentável, mas nem de longe a má educação de algumas pessoas tirou o brilho do evento: a coleção está lindíssima, os preços ótimos (paguei R$79,00 em cada bata e R$99,00 no vestido verde), as peças foram prontamente repostas por diversas vezes, as vendedoras tinham uma paciência de Jó em procurar os mais variados tamanhos no estoque, os tecidos e acabamentos estão excelentes tanto nas roupas, como nas bolsas e sapatos e as comidinhas estavam uma delícia. Adorei.

Mas o melhor da noite foi…a coleção Mixed vai até o manequim 46! #todascomemora
Quando encontrei a batinha que eu tinha gostado no tamanho 46, quase surtei! Peguei outra de outra cor também, peguei o vestido estampado e fui pegando tudo calmamente pelo simples fato que haviam no máximo 2 ou 3 gordas por lá. Acho que nunca me senti tão feliz de ser gordinha: enquanto as peças acabavam, tinha a coleção inteira no manequim 46 para escolher! hehehe
Experimentei umas 15 peças e acabei optando por levar apenas 3 pelos seguintes motivos: os vestidos de paetês tamanho 46 vestem bem até o tamanho 48 mas ficaram muito curtos, as regatinhas 46 não servem para quem veste 48, os jeans iam até o 48 mas tinham a modelagem pequena e o botão de uma delas estourou na mão de uma amiga. Infelizmente as jaquetas e shorts de couro fake só estavam disponíveis até o tamanho 44…snifs!

Anyway, eu e a Paula Bastos do blog Grandes Mulheres fomos pessoalmente agradecer a Riccy por ter desenhado uma coleção com modelagem até o manequim 46/48, algo até então inédito, e conversamos um pouco sobre como o mercado plus é carente de roupas modernas e bem acabadas.


Ficamos na torcida para que mais e mais coleções sejam lançadas para a completa democratização da moda: não só em matéria de grifes a preços acessíveis, como também tendo moda para todos os tamanhos.

P.S. Com toda a muvuca que estava, acabei não tirando fotos do evento, mas se você quiser ver um post super completinho com fotos e preços, recomendo o da Joyce do Gostei e Agora!

P.S. A coleção já está disponível nas lojas…quer saber qual é a C&A que recebeu a coleção e é mais perto da sua casa? Clica aqui!