Resenha – Lipbalm EOS x Lipbalm Carmex

Na busca da proteção ideal para que meus lábios sobrevivessem ao frio polar de Curitiba, descobri o Carmex e desde então virei fã. Sou adepta do tradicional (por incrível que pareça, nunca testei os outros “sabores” como baunilha, limão e cereja), que tem cheirinho e refrescância de menta, longa duração, não fica gosmento e ainda protege – e muito – os lábios. Porém a “hegemonia de meu lipbalm preferido evah” do Carmex ficou ameaçada depois que conheci o super fofinho e politicamente correto balm da EOS…

Como acredito que não fui a única que fiquei dividida entre estas duas opções de balm, resolvi partilhar com vocês minhas experiências com os dois…vamos lá?

Balm Carmex

O que promete o fabricante?

O lipbalm Carmex alivia lábios rachados e previne contra futuras rachaduras. Também protege do frio, vento e sol hidratando profundamene seus lábios por muito mais tempo. Contém menta, cânfora, phenol, cera de abelhas e manteiga de cacau. Fator de proteção SPF 15. Produto não testado em animais.

O que achei:

Sua textura em gel é excelente pra aplicar e evita desperdício porque não vaza ou meleca o tubinho. Refrescante e com um leve sabor de menta, ele não fica muito grudento na boca e tem rápida absorção. Além de super hidratante, outro ponto positivo do Carmex é a longa duração: sempre aplico após escovar os dentes (após as refeições) e dura até a próxima aplicação. Por ser uma embalagem pequena (em todas as versões) cabe em qualquer necessaire ou bolsa, por menor que seja!

Balm EOS

O que promete o fabricante?

Os lipbalms da EOS são 95% orgânicos e 100% naturais, livre de parabenos, possuem vitamina E, manteiga de karité e mantém os lábios úmidos, macios e super hidratados por mais tempo. Produto não testado em animais.

O que achei:

O formato que parece “roll-on”, mas não é, torna a aplicação super fácil e nada melequenta! Me parece que ele é uma pomada durinha que vai desgastando como os lipbalms de bastão. Embora a embalagem seja a coisa mais fofa do mundo, por ser gordinho não cabe na minha necessaire e acaba ficando jogadinho na bolsa o que dificulta na hora de localizar. Por ser 100% natural já ganhou muitos pontinhos extras! O cheirinho suave e o gostinho de morango (o meu é o Strawberry Sorbet) que fica na boca é uma delícia…ela fica super hidratada e dá vontade de ficar passando toda hora! rs

Avaliação Final

Embalagem: no quesito apresentação e fofura ganha o EOS, mas no quesito praticidade o pequeno Carmex leva a melhor.

Aplicação: por ser mais durinho, o EOS tem a aplicação mais fácil e mais sequinha.

Durabilidade: fiz alguns testes e o Carmex permanece nos meus lábios por muito mais tempo.

Hidratação: ambos cumprem o que prometem e além de proteger, hidratam bastante!

Como ando com os dois na bolsa, eu diria que quase dá um empate técnico! Mas se eu precisasse escolher um, continuaria com o bom e velho Carmex que além de ajudar a cicatrizar rapidamente os lábios rachados, ainda os protege em temperaturas extremamente desfavoráveis.

E você, já testou os dois? Qual seu preferido?

Beijo grande e boa semana!