Como sou muito branquinha, uma coisa que nunca pode faltar na necessaire é bloqueador solar. Carrego na bolsa, na necessaire, na mochila do trabalho…sempre a mão para evitar que meu rosto já marcado pelas sardinhas sofra ainda mais!

Meus bloqueadores prediletos ultimamente são o Bloq Mousse (tem post sobre ele aqui) e o ROC fator 60. Mas depois de receber boas indicações deste protetor da Racco, resolvi experimentar.

O que Promete o Fabricante

O Protetor Solar Facial FPS 30 Soleil tem todas as características fundamentais para proteger e manter o balanço fisiológico da pele. Também neutraliza o fotoenvelhecimento, pois protege contra os radicais livres causados pelos raios UVA e UVB. Não é oleoso, evitando o aparecimento de acne. Contém Alistin com ação antioxidante e de prevenção ao envelhecimento da pele.
Possui proteção enquadrada na categoria internacional UVA +++ e UVB. Forma uma barreira extra que reflete e absorve os raios solares, evitando que causem danos às células.
Alta proteção para peles extremamente sensíveis que se queimam com facilidade, mas nunca escurecem, quando expostas ao sol. Indicado para uso diário após hidratação e antes da maquiagem. Ideal para uso no rosto, colo e pescoço.

O que Achei do Produto

O Protetor Solar Facial FPS 30 Soleil é realmente bom. Não deixa a pele ressecada, nem oleosa e protege quase o dia inteiro. Inclusive como sou preguiçosa, costumo passá-lo sozinho pela manhã após lavar o rosto e mesmo sem hidratante, sinto que minha pele fica macia até de tarde. Os pontos fracos ficam por conta da aplicação que não é tão fácil e aquele cheirinho característico de protetor solar para praia sabe? No dia a dia dou preferência para protetores sem cheiro.

Avaliação Final do Produto:

O produto cumpre o que promete protegendo peles sensíveis dos raios solares. A sensação de hidratação é boa e o preço é muito amigo: paguei R$29,90 com uma consultora, mas você também pode comprar na Loja Virtual da Racco e pegar uma promoção por R$19,90! Particularmente gosto de valorizar produtos nacionais (ainda mais a preços módicos) e de qualidade, por isso continuarei usando, mas não para trabalhar no dia a dia.