[Como Não Amar?] Moleskines Diversas

Desde que me entendo por gente, amo cadernos de todos os tipos, cores e tamanhos.
Então nem preciso dizer que quando conheci a Moleskine foi amor a primeira vista!
Além de super práticas para fazer anotações e cabere em qualquer lugar, existem diversos temas fofos como Star Wars, Lego, bichinhos…é muito amor por esse caderninho <3

UPDATE!

Me empolguei tanto com essas fofuras que nem comentei de onde são ou ondem podem ser adquiridas…rs
Então vamos lá: as 3 primeiras (Audrey, Corações e Amélie) são da Jana Magalhães e as demais são da Moleskine e podem ser adquiridas nas Livrarias Saraiva, Livrarias Cultura ou no próprio site da marca!

Rebel Rebel Collection – Domino Dollhouse

E a americana Domino Dollhouse, que veste grandes mulheres do manequim 42 ao 56, lançou a nova coleção batizada de Rebel Rebel, inspirada em Katy Perry com modelitos coloridos e bem rockers.

Nem todos os modelitos fazem muito o meu estilo…mas acho excelente termos o direito de vestir qualquer tendência, independente da balança!

E aí meninas, curtiram?

Resenha – One by One da Maybeline

Embora eu já tenha encontrado o meu rímel predileto, o Haute & Naughty Lash da MAC (resenha aqui!), gosto de testar outros para ver se encontro algum ainda melhor.

E depois de testar a Great Lash, Colossal e The Falsies Drama, conheci outra novidade da Maybeline: One by One. Embalagem fofa, aplicador diferenciado e super prático, me encantou e arrumou um lugarzinho cativo na minha necessaire 🙂

O que promete o fabricante
Deixar os cílios bem separados e volumosos (até 3 vezes mais volume) sem empelotar.

O que eu achei
Excelente!
Cerdas super macias de silicone e aplicador bem maleável, realmente distribui o produto de maneira uniforme pelos cílios sem dar aquele efeito de boneca Emília (cílios todos grudados e empelotados).
Secagem rápida e por ser muito fácil de aplicar, acaba não borrando.
Dá um efeito lindo e duradouro.

Avaliação Final do Produto:

Entrou pra lista dos meu queridinhos!
Tá bem guardadinho na minha necessaire ao lado do Haute & Naughty Lash e dependendo do efeito, uso os 2 juntos, sendo o One by One para finalizar.
Baratinho, duradouro e dá um efeito super bonito nos cílios.
Acho que ainda não vende no Brasil, mas se você for viajar ou tiver alguma amigue viajando, pede pra trazer porque o preço é bem amigo: menos de 10 doletas!

Delícias da Rack + Sorteio!

Eu já falei aqui algumas vezes das delícias feitas com todo o carinho pela minha amiga Raquel para as mais diversas ocasiôes: aniversários, lembrancinhas, natal, etc.
Pra quem não viu as delícias de natal que postei e encomendei, clique aqui!

Pois nessa Páscoa, não poderia ser diferente!
A Rack criou diversas novidades para nos deliciarmos ou darmos de presente…vamos ver as delícias?

E agora que você já ficou aí morrendo de vontade de experimentar algumas dessas gostosuras, tenho uma excelente notícia: a Rack cedeu um ovo recheado de brigadeiro de colher para sortear aqui no Recém Juntada! #todasquer

Regrinhas para Participar:
– Curtir a fanpage do Delícias da Rack no facebook
– Curtir a fanpage do Recém Juntada no facebook
– Deixar um comentário abaixo com nome, cidade e e-mail de contato

– Morar na grande São Paulo ou Ribeirão Preto (infelizmente o ovo não pode ser enviado por correio, mas como vou para Ribeirão na Páscoa, poderei entregar em mãos)

O resultado do sorteio sai na segunda-feira dia 02 de abril!
Agora é só cruzar os dedinhos e boa sorte!

[Pelo Brasil] Dicas de Viagem para Curitiba – Paraná

Devido a correria do dia a dia, não tenho conseguido dividir com vocês as dicas de viagem pelo Brasil e pelo mundo que eu tanto amo, mas estive em Curitiba no último final de semana e me deu uma vontade tão grande de dividir com vocês as maravilhas daquela cidade fria e deliciosa que tão bem me acolheu por 10 anos, que vim correndo no escrever na primeira folguinha que tive.

E como começa no próximo dia 27 de março o Festival de Teatro de Curitiba, que tal conhecer um pouquinho mais da cidade?

Jardim Botânico – Curitiba

Onde ficar?
O centro de Curitiba possui bons hotéis a preços módicos como os da rede Formule 1 e Ibis entre outros. A grande vantagem de se hospedar na região central de Curitiba é a proximidade da rodoferroviária, dos shoppings Müller, Estação e Curitiba, Jardim Botânico, Largo da Ordem, Rua XV de Novembro e outros diversos pontos turísticos da cidade.

Outro lugar bacana para se hospedar é na região do Batel que conta com hotéis da rede Holiday Inn, Habor, Ibis, Slaviero, Bourbon entre outros. A noite da Avenida Batel, com seus diversos bares, é a mais agitada de Curitiba.

Onde comer?
Com uma distância de apenas alguns passos, é possível provar desde o regional barreado como a alemã bradwurst ou ainda o delicioso e farto café colonial local.

Em Santa Felicidade é possível encontrar os tradicionais restaurantes italianos como o Madalosso (e Velho Madalosso), Cascatinha ou ainda o Famiglia Fadanelli.

Para quem não dispensa a típica e deliciosa comida de boteco, eu recomendo o Bar Hora Extra (aos sábados tem feijoada com samba e chorinho), o bar Aos Democratas, o Bar da Brahma ou ainda o Santo Graal.

 Apenas uma amostra do Café Colonial do Coeur Dulce

E como não poderia deixar de falar, em Curitiba existem diversos – e maravilhosos – cafés coloniais para almoço, lanche e jantar com opções de tirar o fôlego! O meu preferido é sem dúvida o Coeur Dulce. Mas também recomendo o da Piegel e o Café Colonial da Bisa em Quatro Barras.

Quer apenas um lanchinho pós balada ou no meio da tarde?
Sem dúvida você precisa experimentar os deliciosos e bem servidos sanduíches do Waldo X-Picanha ou do fastfood curitiba Kharina.

Onde ir?

Para o dia: Curitiba é muito conhecida por seus lindos parques.
O mais famoso e florido é o Jardim Botânico.
O mais badalado com diversos restauratntes e bares é o Parque Barigüi (e quase em frente tem o Park Shopping Barigüi que é um shopping tudo de bom).
O maior e mais verde é o Tanguá com suas enormes cataratas artificiais.
E isso só para citar alguns dos trocentos parques lindíssimos.

Curitiba também conta com a Ópera de Arame, o Museu Oscar Niemayer, o enorme shopping a céu aberto que é a Rua XV de Novembro (onde tem o prédio do HSBC que as criancinhas cantam no natal!) e a Feirinha de Artesanato do Largo da Ordem.

Para a noite: bares e mais bares para esquentar a fria e cinza noite Curitibana.
Se você não conhece nada da cidade, vá para a Avenida Batel e não tem erro: lá tem o tailandês Taj Bar (que é bar, restaurante e baladinha aos domingos), o mexicano Taco El Pancho, o americano Peggy Sue, o irlandês Sheridan’s, o russo Soviet ou ainda o Santa Marta.

Lellis Tratoria

Se você quiser apenas um jantar a dois e estiver disposto a gastar sem dó, bem próximo a Avenida Batel tem os italianos Lellis Tratoria e a Pamphylia com suas deliciosas sopas e o francês Château de Gazon com seus deliciosos fondues e vinhos.

Curitiba também conta com os estádios de seus três times: a Arena da Baixada do Atlético Paranaense, o Couto Pereira do Coritiba e o Durival de Brito do meu amado Paraná Clube! (sim, sou carioca mas paranista com muito amor e orgulho)

Onde (e o que) comprar?
Além dos diversos shoppings espalhados pela cidade,  Curitiba conta com a turística Rua XV de Novembro com diversas festinha populares e uma feirinha de artesanato na Praça Osório próximo a Boca Maldita.

Em todos os parques e também no aeroporto, existem também lojinhas de souvernirs locais, porém a preços não tão amigos. Se você tiver um domingo na cidade, vá na Feirinha do Largo da Ordem onde é possível encontrar todo o tipo de artesanato e gastronomia local a preços muito mais acessíveis e muito mais variedade. Tudo isso sem contar a feira de carros antigos que acontece na rua paralela e os shows musicais de artistas de rua. Um espetáculo e tanto, gratuito e a céu aberto.

Mais dúvidas?
Depois de morar 10 anos em Curitiba, e ainda voltar para lá todos os meses para visitar minha mãe e meus vira-latinhas, vivi milhares de experiências maravilhosas que não caberiam em apenas um post.
Por isso se você está se planejando para conhecer a capital paranaense e tem alguma dúvida, deixe aí embaixo nos comentários que terei o maior prazer de responder e ajudar se for possível 🙂

Beijo grande!

Look do dia – Aniversário da Alinne

No último domingo eu e o digníssimo fomos na comemoração do aniversário da amiga e blogueira Alinne Rosa do blog homônimo.
Por ser algo simples e só para amigos mais íntimos, fui bem basiquinha – como sempre – mas aproveitando que o namo estava junto, pedi que ele batesse uma fotinho para poder lembrar que existe vida de cabelos soltos, sem jaleco ou botina de segurança…

Camisa – Maison SPA
Jeans – C&A;
Mocassim – Santa Lolla
Bolsa – Pink & Co
Colar, Pulseira de Cobra e Brincos (que não aparecem!) – Carla Prado
Shambalas – Clássica com Pimenta

Super confortável e fofo…gostaram?
Beijinhos!

Resenha – Óleo de Argan Moroccanoil, Kaedo e Inoar

Desde os primórdios, vivo numa briga diária com o meu cabelo: o excesso de volume, o frizz, aquele monte de cabelinhos novos gigantes que me deixam parecendo um sol quando faço rabo de cavalo…Deus que me perdoe, mas meu cabelo me irrita muuuuuuito! rs

E no ano passado, com o “boom” do Maroccanoil, dei pulinhos de alegria pensando que meus problemas tinham acabado…mas ainda não seria dessa vez. Uma amiga que voltou de viagem com o cabelo lindíssimo, trouxe um vidrinho de Maroccanoil de presente para mim e explicou: “você lava e condiciona o cabelo normalmente. Só substitui o óleo pelo leave-in na finalização.”

Segui a risca, e…vixi! Fiquei parecendo a Maria Bethânia 🙁
Como o meu cabelo é muito fininho, os cachos não se formaram direito, o cabelo ficou todo disforme e dali alguns instantes o frizz subiu.
Não posso negar que o cabelo fica macio e super brilhante. Mas o aspecto não favoreceu…

Aposentei então o óleo milagroso no armário do banheiro…até ter algumas outras idéias de como usar e fazer algumas experiência com ele, o óleo de argan da Kaedo e da Inoar que havia ganho.

Óleo de Argan – Moroccanoil

O que diz o fabricante
O Moroccanoil óleo promete dar elasticidade, brilho, fortalecer, condicionar e proteger os cabelos das agressões externas

Os testes que fiz e o que achei

Moroccanoil como leave-in: o cheirinho é uma delícia e o cabelo fica super macio, mas como já dito acima, o aspecto fica deplorável 🙁

Moroccanoil como leave-in pós escova: funcionou super bem! Ao contrário do óleo anti-frizz da L’Oreal que eu usava, o Moroccanoil não deixa o cabelo gorduroso e segura bem o frizz.
Tudo isso sem contar o brilho lindíssimo que foi possível ver até em fotos 🙂

Moroccanoil misturado com creme para pentear: acho que este é o único jeito bacana que já inventaram para quem tem cabelo cacheado. O leave-in escolhido foi o Sérum Reparador da L’Occitane, que rende bastante, tem um cheiro maravilhoso e define os cachos sem deixar o cabelo pesado. Porém para a minha surpresa, o efeito foi exatamente o mesmo sem a mistura do óleo!
Logo, apenas o Sérum já atenderia as minhas necessidades.

Óleo de Argan – Kaedo

O que diz o fabricante
Além do óleo de argan,  contém Nanooil®, é rico em ômega 3 e 6, vitamina
Nutre e revitaliza o couro cabeludo e a fibra capilar. Fortalece o cabelo proporcionando brilho natural, luminosidade, flexibilidade e suavidade

Os testes que fiz e o que achei

Óleo Kaedo como leave-in: assim como o Moroccanoil, o aspecto do cabelo também não ficou bacana 🙁

Óleo Kaedo como leave-in pós escova: também funcionou super bem! Ao invés de passar após a escova para finalizar, passei com o cabelo molhado e com o calor o efeito foi muito bacana…não subiram aqueles malditos fiozinhos novos e o cabelo ficou com um brilho lindo.

Óleo Kaedo misturado com creme para pentear: o leave-in escolhido também foi o Sérum Reparador da L’Occitane e como o óleo da Kaedo é o mais fluído, usei apenas 4 gotinhas. Porém o efeito se manteve como se fosse apenas o Sérum.

Óleo de Argan – Inoar

O que diz o fabricante
Tratamento potencializador de químicas e reparador de fios. Sela as cutículas, adiciona maciez e brilho aos fios, enquanto disciplina e corrige as pontas duplas. Acelera a escova e protege contra o calor. Preserva a cor e diminui a agressão dos tratamentos químicos.

Os testes que fiz e o que achei
Óleo Inoar como leave-in: como os resultados anteriores já haviam se mostrado desfavoráveis, nem testei o óleo sozinho.

Óleo Inoar como leave-in pós escova: embora o cheirinho do óleo da Inoar seja o mais gostoso dos três, ele é muito denso, então minha sugestão é passar no cabelo molhado ANTES da escova/chapinha para não deixar o cabelo muito pesado ou oleoso.

Óleo Inoar misturado com creme para pentear: ao contrário dos anteriores, quando misturado com o Sérum Reparador, ele mudou o aspecto, densidade e aroma do produto. Porém, o resultado final foi o mesmo.

Avaliação Final dos Produtos:

Para quem tem cabelos lisos e/ou químicamente tratados, de fato o óleo de argan confere brilho, movimento e maciez espetaculares.
Mas para quem tem o cabelo ondulado ou cacheado como o meu, embora a hidratação seja ótima e o efeito pós escova/chapinha seja lindo, apenas o uso do óleo não é o suficiente.

Para um melhor resultado, é necessário usar a máscara de óleo de argan ou o leave-in de sua preferência 🙂

Qual deles eu mais gostei? Bom, como três tiveram resultados extremamente semelhantes no meu cabelo, eu recomendaria sem medo qualquer um deles.

Beijo grande e boa semana!

Pensamento da Semana

Bom dia gurias 🙂

Minha reflexão para esta semana não vem da Bíblia, Torá ou Corão.
Ela vem de um ditado popular inglês simples e muito antigo que ouvi de minha mãe ao longo dos anos todas as vezes que debatemos sobre finanças:

“Não coloque todos os ovos na mesma cesta”.

E depois de quase 30 anos ouvindo esta frase, hoje tenho um entendimento mais holístico sobre ela: faz todo o sentido para mim que não se aplique somente à finanças, mas à nossa vida de um modo geral.

Não devemos depositar toda a expectativa naquele encontro com o gatinho da pós.
Não devemos depositar no outro a responsabilidade da nossa felicidade.
Não devemos trabalhar apenas para satisfazer nosso chefe em busca de recompensa.
Não devemos apostar todas as nossas economias em um novo negócio com aquela amiga de infância.

Acredito que vocês concordem comigo que não é nada saudável concentrar todos os esforços e expectativas em uma única pessoa ou possibilidade que pode não ocorrer conforme planejamos/desejamos.

Mas isso não quer dizer que você não deve ser inteira em suas ações ou anseios.
Seja inteira e intensa, mas lembre-se que ao optar por não depositar todas as suas fichas em algo específico, você se protege da frustração iminente caso as coisas não corram de acordo com o planejado.
E uma vez que não temos controle sobre acontecimentos externos, nada melhor do que sempre ter um plano B para seguir em frente, seja em qual área da vida isso for, não é mesmo?

Hoje posso partilhar com vocês que:

Não invisto todas as minhas reservas em um mesmo fundo.
Não trabalho para os meus chefes, mas trabalho como se o que eu faço fosse para Deus.
Não acho que meu namorado deva suprir todas as minhas carências, por isso tenho amigas lindas.
Não me apego a coisas que podem quebrar/acabar/partir, mas aproveito e agradeço a Deus por cada momento que pude interagir com elas.

E tudo isso me faz seguir em frente feliz e plena sem medo de tropeços.
Porque seja lá em que área as coisas não forem bem, sei que terei as demais para me compensar e confortar…

Mil beijos e uma excelente semana para vocês!

Loja Online que Amo – Tee Fury

Se tem um site que eu todos os dias, sem dúvida é o Tee Fury!

Pra quem não conhece, o site vende camisetas divertidas pela bagatela de 10 doletas.
A taxa de entrega varia de 6 a 25 doletas. Pagando U$6 você espera quase 2 meses pra receber e pagando U$25 chega em no máximo 4 semanas.
A única desvantagem é que o modelo disponível muda todos os dias, logo se vc perder de acessar um diazinho sequer, graças ao nosso amigo Murphy a chance de perder uma camisa super bacana é enorme.

Eu e o namo compramos sempre e a grande vantagem é que os tamanhos são generosos: o XL feminino (baby look) é grande mesmo e serve em mim numa boa e o 2XL masculino é imenso!

Seguem algumas fotinhos de alguns modelos passados pra quem quiser se torturar por ter perdido:

Tem como não amar?

Resenha – Protetor Solar Bloq em Mousse

Se tem uma coisa que eu uso todos os dias, é protetor solar. Sempre esqueço de passar tônico, meu creme anti-sinais…mas nunca do protetor!
E desde que voltei para a fábrica – e consequentemente voltei a trabalhar num calor senegalês – acabo derretendo todos os dias e ficando melecada de protetor…ou melhor, ficava até conhecer o protetor solar em mousse da Bloq e descobrir o amor.

O que promete o fabricante
Primeiro protetor solar em mousse fabricado no Brasil, oil free, hipoalergênico, não comedogênico e livre de parabeno. Fotoestabilidade incomparável, proteção UVA até 400 nm, alta solubilidade e toque seco.

O que achei
Maravilhoso!
Ele é rende muito (recebi uma amostra de 20 ml e estou usando diariamente há umas 3 semanas), é super fácil de aplicar (porém é bom ser rápida para ele não secar) e deixa a pele super sequinha o dia inteiro!
Agora além de estar protegida do sol, não fico derretendo no calor e nem com a pele oleosa ou melecada.
Não sou muito adepta a maquiagem completa (com base, pó e etc) mas ele deixa a pele tão sequinha e uniforme, que acredito que possa ser usado como primer.

Avaliação Final do Produto:

Nota máxima! Proteção eficaz e super útil para quem tem pele oleosa ou normal mas que sua muito e está exposta ao calor excessivo.
Se você não foi abençoado com uma mesinha num escritório com ar condicionado polar, use e abuse do Bloq sem medo de ser feliz 🙂

Espero que vocês também gostem!